4Lab Co

FourC Bilingual Academy promove mesa sobre os “Efeitos da pandemia na primeira Infância: Ações e estratégias para o desenvolvimento”

O evento contou com profissionais de Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional e Psicologia Escolar 

Na última terça-feira (07), a FourC Bilingual Academy promoveu a mesa “Efeitos da pandemia na primeira Infância: Ações e estratégias para o desenvolvimento”, com as convidadas Fabiana Marcelino (Fonoaudióloga), Carina Lopes (Terapeuta Ocupacional), e Gabriella Neves (Psicóloga Escolar), e as moderadoras Juliana Storniolo, a Diretora de Ensino da FourC e Carolina Segala, a Coordenadora do Ensino Infantil da FourC. 

Fabiana Marcelino abre a noite dizendo: “Não sabemos ainda quais são as reais consequências da pandemia”. Porém, o uso excessivo de telas foi um dos problemas mais relatados pelos pais. “É muito importante que, nos primeiros anos, a gente tenha a interação, a troca, e que sejamos parceiros de comunicação dessas crianças. Muitas mães falam que colocam em programas ou canais educacionais, mas nunca é igual à excelência do ser humano à sua frente, tendo um momento olho no olho, o vínculo que se cria. Estamos precisando de conexão com essas crianças.”, explica a fonoaudióloga. 

Segundo as convidadas, as crianças, principalmente na primeira infância, são esponjas não seletivas. Elas absorvem o meio em que se encontram de uma forma rápida e completa. Além disso, ainda não possuem filtros para entender o que é interessante ser absorvido e o que não é. Por esse motivo, durante a pandemia, as crianças absorveram os acontecimentos. “Então não dava para gente falar, durante a pandemia, para os pais não colocarem as crianças na frente das telas, não era realista pensar assim.”, conta Fabiana. 

Storniolo completa dizendo: “A gente, como escola, entende a importância das cantigas, parlendas e histórias. Algumas pessoas pensam que colocar em uma tela para as crianças assistirem às mesmas cantigas e parlendas resulta na mesma coisa. Mas não é assim. Durante a pandemia, essa era a opção que tínhamos, porém essa interação da cantiga com o professor, com os pais e coleguinhas é uma descoberta completamente diferente do que as com telas.”

Algumas formas de estimular essa conexão e diminuir o tempo de tela foram sugeridas pela psicóloga Gabriella. Entre elas, a manutenção de um diálogo constante, sem pressionar a criança a falar. Outra estratégia é pegar os emojis do celular e traduzi-los para emoções, utilizando-os de uma forma lúdica para falar como o dia de cada pessoa presente. 

“Sentimos esse impacto em todas as faixas etárias, mas, na primeira infância, a gente tem escutado muito o termo ‘crianças da pandemia’. Surge então uma dúvida para os pais e educadores, em relação ao que era esperado para o desenvolvimento: isso não está acontecendo de forma esperada por conta da pandemia ou é outra a neurodiversidade?”, indaga Carina. 

Para ajudar a responder à pergunta “É da pandemia ou é uma neurodiversidade?”, a FourC disponibilizou a todos os participantes um livreto on-line publicado pela Sociedade Brasileira de Neurologia Infantil. OAprenda os sinais. Aja cedo.’ é um guia para pais e responsáveis entenderem o tempo certo do desenvolvimento infantil e quais são os sinais de que algo está errado. 

“É importante a gente se debruçar neste debate, para que a gente possa agir antecipadamente. Não devemos esperar essas crianças saírem da primeira infância, já que esse é um período importante de aquisição de habilidades, para depois a gente refletir. Na dúvida, deve-se agir e procurar ajuda.” defende a terapeuta ocupacional.    

O bate-papo continuou com as convidadas respondendo a perguntas feitas pelo público presente. 

No fim da noite, a FourC Bilingual Academy agradeceu a todos os presentes pela oportunidade e preparou uma atividade de rotina de pensamentos, em que os convidados escreveram pensamentos que tinham antes da mesa de um lado, e pensamentos que tiveram depois da mesa de outro. 

Para acompanhar novidades sobre educação, acesse nossas redes sociais: 

Facebook

Instagram 

Para conhecer a FourC Bilingual Academy, acesse:

Site

Instagram 

Facebook

Bárbara Cardi Camarini

1 comentário

  • Adorei o convite, compartilhar esse momento tão rico e extremamente necessário. Parar e refletir sobre o desenvolvimento infantil é tratar do futuro de um país. Ações como esta mostram quais são nossas reais prioridades! Parabéns a todos os envolvidos!!