4Lab Co

Smart City #3: participação feminina nos espaços urbanos

Como já trouxemos aqui no 4LAB, pessoas são parte fundamental para o desenvolvimento dos espaços urbanos. A disparidade entre homens e mulheres é um assunto que tem ganhado maior relevância em debates político-sociais.  Estudos apontam que a faixa salarial das mulheres é inferior a dos homens e, de acordo com Stella Hiroki, pesquisadora de Smart Cities, esse fato impacta a relação das mulheres com a sociedade e, principalmente, cidade.

Além disso, a mulher é responsável por um maior deslocamento na cidade, já que, na maioria dos casos, é responsável por gerenciar a família, compras para a casa, cuidados com pessoas mais velhas e ainda trabalhar. Tudo isso faz com que elas se locomovam mais pelo espaço urbano, sendo fundamental pensar em como a cidade é organizada e como os trajetos são feitos.

Um dos projetos brasileiros que retratam a importância de estudos sobre as mulheres e as relações delas com a cidade, é o Colmeia, em São Paulo. Através do empreendedorismo, o protagonismo feminismo e a integração do governo com planos de negócio, mulheres em periferias da cidade podem desenvolver-se localmente.

No vídeo abaixo, Stella Hiroki traz essas e outras questões acerca da posição feminina nos espaços urbanos. Confira na íntegra.

Stella Hiroki

0 comentários